Logotipo Cirurgia Para  Você
  • (11) 2176-7266 Entre em contato
  • contato@cirurgiaparavoce.com.br E-mail de Contato

Hiperplasia Prostática Benigna e Incontinência Urinária

setembro 26, 2017

A Hiperplasia Prostática Benigna é uma doença frequente?
Qual a relação da Incontinência Urinária com a Hiperplasia Prostática Benigna (HPB)?
s

A Incontinência Urinária (IU) é a perda de urina de maneira involuntária. Pode estar relacionada ao trato urinário, mais comum em homens e mulheres adultos com incontinência urinária que surgiu espontaneamente ou como sequela de acidente ou cirurgia. A IU pode também não ser relacionada a um problema no trato urinário como, por exemplo, em idosos com dificuldade de mobilidade, doença de Alzheimer ou outras doenças neurológicas, que não conseguem ou não sabem que precisam ir ao banheiro para fazer xixi. Nas crianças até saírem das fraldas, e a “incontinência” urinária é fisiológica, normal.

A IU não é uma doença, e sim um sintoma comum a diversas situações patológicas ou não. Apesar de sintomas parecidos, as causas podem ser muito diferentes entre duas pessoas com este problema. A IU no homem pode estar relacionada a problemas da próstata, como, por exemplo, em fase avançada da Hiperplasia Prostática Benigna.

A próstata é uma glândula masculina, que está localizada abaixo da bexiga e a uretra atravessa a próstata no seu centro. A próstata envolve a uretra circunferencialmente, e ela pode apresentar duas doenças principais: a Hiperplasia Prostática Benigna, que ocorre bem no centro, ao redor da uretra e o câncer de próstata, que ocorre na periferia, próximo a cápsula.

O câncer de próstata não causa sintomas urinários, por isso a importância se realizar exames anuais para a detecção precoce de câncer de próstata. Não é incomum que um homem procure o médico urologista por algum sintoma urinário, que surgiu por causa de hiperplasia prostática benigna e, com os exames realizados, descobrir um câncer de próstata, ou seja, o câncer de próstata pode coexistir com a hiperplasia prostática benigna.

A HPB é muito frequente, 20% dos homens com mais de 45 anos de idade apresentam algum grau de HPB e isso vai aumentando com a idade. Aos 80 anos, cerca de 88% a 90% dos homens apresentam HPB.

Em alguns homens a HPB vai comprimir circunferencialmente a uretra causando obstrução. A bexiga terá que fazer mais força para empurrar a urina para fora, esse esforço causado pela obstrução provocará um espessamento nas paredes da bexiga, uma hipertrofia do músculo da bexiga, ou seja, ela vai engrossando.

Esse espessamento nas paredes da bexiga pode provocar alterações neurológicas, com reflexo no controle da micção e no funcionamento da bexiga, podendo surgir à incontinência urinária.